DDM prende acusado de tentativa de feminicídio

Mototaxista estava foragido desde o início do mês após agredir mulher com uma faca

Um mototaxista de 42 anos foi preso na quarta-feira (9) por policiais civis da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Garça (cerca de 30 quilômetros de Marília) acusado do crime de tentativa de feminicídio contra a mulher, uma faxineira de 40 anos, em crime ocorrido no início do mês.

Segundo a delegada Darlene Rocha Costa, o crime ocorreu no dia 1º de outubro. Após uma discussão do casal, o mototaxista se armou com uma faca e desferiu um golpe na face da mulher. O acusado ainda disse que voltaria para matar a vítima.

“Ele já foi detido anteriormente por agredir a vítima. Representei pela prisão preventiva, mas o acusado estava foragido desde o dia do crime, mas hoje conseguimos localizá-lo e cumprir o mandado”, disse a delegada.

Investigações identificaram a possível localização do acusado. Policiais civis cumpriram mandado de prisão preventiva e detiveram o mototaxista em uma loja de troca de óleo.

O mototaxista deve ser indiciado pelo crime de tentativa de feminicídio e foi recolhido para a penitenciária de Marília. Se condenado, a pena pode chegar até 20 anos de prisão em regime fechado.