Mensagens de amor foram deixadas em passarela

Igreja Luterana deixou 95 cartões ao longo da passarela de pedestres, em frente à Rodoviária de Marília. Ato foi ecumênico

Por Ana Carolina Godoy / Foto Divulgação

A Igreja Luterana deixou 95 cartões com mensagens de amor e esperança ao longo da passarela de pedestres, em frente à Rodoviária de Marília. O ato foi ecumênico, envolvendo católicos e evangélicos também. O objetivo é a valorização da vida, na prevenção à depressão e ao suicídio.

Os 95 cartões fizeram referência às 95 teses feitas por Lutero no fenômeno da Reforma Protestante, ocorrido na Europa do século XVI. O ato ecumênico foi realizado na noite de 31 de outubro, quando fez 20 anos da declaração conjunta sobre a doutrina da justificação da Federação Luterana Mundial e da Igreja Católica.

Esse documento estabeleceu que as confissões católica e luterana “professam a mesma doutrina sobre a justificação pela fé, embora com diferentes desdobramentos”. O evento também reverenciou os 502 anos da Reforma Luterana.

Na quinta-feira um primeiro evento na Igreja Luterana abordou o significado das confissões católica e luterana e relembrou a a Reforma Luterana. Na sequencia, os presentes fizeram os cartões, escritos à mão, de forma bem pessoal, para acolher a população que passasse pela passarela da rodoviária nas horas e dias seguintes.

“Pequenos gestos podem transformar vidas. Foi um ato singelo, mas com amor. Esperamos que atinja as pessoas que por ali passaram. Os cartões foram distribuídos pela passarela, presos com fitilhos, para que os pedestres lessem ou pegasse o que preferissem. Franciscanos, católicos, luteranos e evangélicos ajudaram nesse trabalho.