Hugo Rocha pode se tornar o maior artilheiro do Maquinho no Sub-13

Atacante tem 15 gols e tem duas partidas contra o São Paulo para marcar pelo menos um

Por Jorge Luiz

Amanhã (dia 10), o Marília Atlético Clube (MAC) faz o primeiro jogo da final do Campeonato Paulista Sub-13 e o atacante Hugo Rocha pode ser tornar o maior artilheiro maqueano em uma edição, de forma isolada.

Com 15 gols marcados, ele já lidera esse quesito ao lado de outros dois jogadores: os atacantes Lucão (2014) e Diogo Santos (2015). O goleador 2019 tem mais duas partidas contra o São Paulo, para ficar sozinho no topo.

“Estou muito feliz e motivado ao saber desses números. Quero muito fazer história no Marília, mas a minha prioridade é fazer história com esse título, que seria inédito para o clube. O foco total é ser campeão. Essa marca seria uma consequência do trabalho”, destacou o garoto, que tem 15 gols em 16 jogos disputados.

Em 2015, Diogo Santos fez os mesmos 15 gols em 16 partidas (média de 0,9). Já Lucão foi vice-campeão em 2014 e assinou 15 em 20 rodadas.

Com 15 gols, Hugo Rocha é vice-líder na artilharia geral do Paulista Sub-13 – sete gols atrás de Vitor Figueiredo, do Palmeiras, que fez 22 e foi eliminado na semifinal. O mariliense disputa sua terceira temporada seguida pela base maqueana e já balançou as redes 28 vezes.

Em 2017, o atacante foi o artilheiro do clube no Campeonato Paulista Sub-11, com 11 gols marcados e no ano passado pelo Sub-13, ele assinalou dois. “Desses números eu sabia, porque gosto de contar quantos eu marco. Espero marcar gols para poder ajudar meu time a ser campeão”, comentou.

Domingo em Osasco

O primeiro jogo da final deste domingo será às 10h, no estádio José Liberatti, em Osasaco, com mando de campo do São Paulo. O duelo da volta acontece no dia 17 (domingo), às 10h30, no Bento de Abreu.

Em caso de dois empates ou uma vitória para cada lado, com a mesma vantagem de gols, o título será decidido nas penalidades máximas.

Os dois clubes buscam um título inédito neste Paulista Sub-13 e ambos chegam pela segunda vez a uma decisão. O Maquinho foi vice em 2014, perdendo para o Santos e o São Paulo deixou a escapar a taça no ano passado para o Palmeiras.