Após recusar o MAC, Ricardo Costa acerta com o Capivariano

Técnico optou por um clube da mesma divisão, mas próximo de sua casa

Por Jorge Luiz/foto: Alexanandre Lourenção

Cinco dias depois de recusar proposta de renovação com o Marília Atlético Clube (MAC), o técnico Ricardo Costa fechou ontem com o Capivariano, que também disputará o Campeonato Paulista da Série A-3.

Quando esteve na cidade na semana passada, o treinador havia revelado que gostaria de trabalhar próximo de sua casa, em Campinas, para ficar perto dos filhos. Capivari fica a 53,2 km de sua residência.

Em entrevista ao site ‘Futebol Interior’, o técnico falou sobre o acerto com o Capivariano.

“Estou muito feliz de fechar um grande clube, que estava na Série A-1 até pouco tempo atrás. Tem uma história. Vou poder unir o útil ao agradável, ficar muito próximo da minha família. Capivari-Campinas é um trajeto muito rápido, então, poderei ver minha família com mais frequência. Gostei muito do projeto que vem sendo desenvolvido há alguns anos. O Capivariano vem revelando jogadores. Estou muito feliz de assumir esse projeto”, afirmou.

Ricardo Costa comandou o Alviceleste na conquista do acesso no Paulista da 4ª Divisão (Sub-23), no começo do mês, com o vice-campeonato diante do Paulista de Jundiaí. Foram 28 jogos pelo MAC com: 14 vitórias, 11 empates e três derrotas (63% de aproveitamento).

Jogadores

Dois titulares na campanha do acesso já acertaram com outros clubes. O lateral-esquerdo Lucas Praxedes vai defender o Botafogo-PB e o meia Ícaro assinou contrato com o Concórdia-SC. O atacante Erik Bessa disse que já acertou com um clube goiano para a elite do estadual, mas não revelou o nome, pois ainda não assinou o contrato.

O atacante Breno tem vínculo com o Capivariano até a metade de 2020 e deverá permanecer, principalmente com a chegada de Ricardo Costa. Quem também deve jogar no time de Capivari é o atacante Lucas Lima, que também foi procurado pelo Comercial.