15 mil atletas em 30 modalidades iniciam hoje o 1º dia de disputas dos Abertos em Marília

Confira onde as equipes marilienses atuam neste primeiro dia de competições

Por Jorge Luiz

Hoje (dia 13) serão conhecidos os primeiros resultados da 83ª edição dos Jogos Abertos do Interior, que acontecem em Marília até o dia 25. Mais de 15 mil atletas iniciam as disputas por 30 modalidades, nas diversas praças esportivas da cidade e da região, com entrada gratuita.

Como sede do evento, a cidade entrará na disputa geral da 1ª Divisão, mas algumas equipes irão participar da ‘Segundona’.

“Vai ser muito difícil, mas se repetirmos a colocação do ano passado (17º lugar), já estarei bastante satisfeito, pois se não me engano foi a melhor dos últimos anos”, destacou o secretário municipal de esportes, Eduardo Nascimento. Algumas modalidades irão disputar a elite no masculino e da 2ª Divisão no feminino ou vice-versa, pela colocação nos Jogos Regionais deste ano.

Atletismo, atletismo ACD (atletas com deficiência), badminton, boxe, capoeira, futebol, futsal, handebol, natação, natação ACD, taekwondo, tênis e vôlei de praia terão equipes de homens e mulheres na 1ª Divisão.

Já o karatê vai estar na 1ª com as mulheres e na 2ª com os homens. O inverso acontece no tênis de mesa.

Ainda na elite dos Jogos Abertos, Marília terá três modalidades mistas: malha, xadrez e ‘supino raw’ (halterofilismo).

Os esportes da 2ª Divisão serão: basquete masculino (até 20 anos) e feminino (livre), biribol (homens), bocha (homens), ciclismo (os dois), judô (os dois) e vôlei até 20 anos no masculino e livre no feminino.

“Não temos como competir com as principais potencias (São Caetano, São José, Santos e outras). Essas cidades têm um orçamento até dez vezes maior que o nosso e contratam até atletas olímpicos e internacionais. Nosso foco é trabalhar com o atleta da cidade e dar a ele essa oportunidade de participar de um evento grandioso como esse em casa”, ressaltou Eduardo Nascimento.

Secretário estadual

Chegou ontem a Marília o secretário estadual de Esporte, Lazer e Juventude, Aildo Rodrigues Ferreira, que está bastante satisfeito com a realização dos Jogos Abertos na cidade, após 57 anos (última vez em 1962).

“Se Marília é sede deste evento significa principalmente que tem capacidade para realiza-lo, com estrutura necessária para acomodar todos os atletas. Muitos municípios pleitearam essa oportunidade e a escolha se baseou exclusivamente por questões técnicas, através de avaliações e vistorias de nossos funcionários”, frisou.

O Governo do Estado repassou R$ 1,3 milhão para Marília realizar o evento e contrapartida da cidade foi ceder as praças esportivas e os alojamentos. “Infelizmente não temos ainda um estudo para nos informar quanto é injetado na economia do município um evento como este, que tem a presença de quase 17 mil pessoas, pois bares, restaurantes e comércio lucrarão com os Jogos Abertos. Isso é uma certeza”, explicou Aildo Rodrigues Ferreira.

Abertura oficial

A cerimônia de abertura será realizada hoje, às 19h, no ginásio de esportes do Clube dos Bancários. Representantes das 206 delegações irão para o desfile. A entrada da população é gratuita.